fevereiro 2012

Entrevista com Will Hunt ao Music Feeds

Leiam a entrevista do Will para a Music Feeds.

"Tendo nascido em 1990, eu nunca vi uma banda ou artista infligir um movimento cultural que chocou a sociedade e inspirou uma nova era de pensamento. Todas essas peripécias terminaram nos anos 90. Em vez disso eu tive boy bands, bandas de menina, e o rap dos anos 90; veio nu-metal à sua cabeça, mas você entendeu meu ponto, tudo o que tínhamos eram as sobras da música 'real', que falava à Geração Y? Poucas bandas nos últimos 10 anos conseguiram se infiltrar na sociedade do mainstream de uma maneira tão espetacular como o Evanescence. Apesar de não necessariamente criar uma subcultura, eles trouxeram os números para que, essencialmente, proporcionassem as bases para a cena que nós conhecemos e amamos hoje. Tendo lançado recentemente em 2011 o álbum auto-intitulado e até mesmo o anúncio mais recente de sua turnê australiana, eu converso com o membro mais novo da banda, o baterista Will Hunt, para aprender sobre o mundo do Evanescence."

Will Hunt(WH): Hey Mike, como vai ?

Music Feeds(MF): Muito bem, senhor, o que está acontecendo?

WH: Cara, nos apresentamos na noite passada no Conan O'Brian

MF: Sério? Como foi para conhecer Conan?

WH: Minha esposa e eu o assistimos por anos, ele é um dos caras mais engraçados que eu já vi, um cara muito legal, muito engraçado e tocar no seu show é uma verdadeira honra, tipo.. WOW!

MF: É demais, é visto em todo lugar do mundo!

WH: O Conan é? Não sabia disso. A vibe toda foi muito legal, todas as pessoas nos trataram tão bem e estamos totalmente animados. Então eu acho que significa que mesmo as pessoas na Austrália podem conferir.

MF: É ótimo ver que vocês ainda estão tocando o circuito de shows. Isso realmente me faz pensar, o Evanescence já viu de tudo, sobreviveu a todas as tendências, e como uma entidade de si mesmo, poucas bandas foram capazes de penetrar na sociedade ao ponto de impor uma subcultura e continuam a ser relevantes, qual é o segredo do Evanescence?

WH: Bem, eu acho, em primeiro lugar, muito disso é atribuído a Amy , ela tem uma visão muito clara do que ela quer fazer. Você sabe que Troy e eu viemos em 2007, e éramos de uma banda chamada Dark New Day. Ela realmente gostou da nossa banda, porque ela achou muito original - não me lembro das palavras exatas que ela usou para descrevê-la, mas gostaria de descrever a música do Evanescence, da mesma forma, muito original e eu acho que há dois fatores aqui, um dos quais é a sua voz, grande voz, transcende, cara, música boa é música boa, não importa quando é feita. Canções que foram feitas antes de Troy e eu são clássicas e as que nós fizemos nesse disco novo vão resistir ao teste do tempo também - a música é intemporal. E o outro fator é a dedicação dos fãs, eles são incríveis. Uma base de fãs fenomenal, muito leal... Muito leal na verdade, eles estão aí há 5 anos com esta enorme lacuna de modo que realmente queríamos dar-lhes algo que gostavam, e neste momento parece que nós fizemos ... Esses são os maiores fatores de certeza.

MF: Então, você mencionou que o álbum foi bem recebido por seus fãs, é difícil escrever um álbum deste gênero e estar na posição que o Evanescence estava quando vocês começaram a escrever?

WH: Eu acho que é interessante. Foi uma ruptura tão longa entre o último álbum e este, de um modo estranho que tirou a pressão, porque todos nós olhamos pra ele como queremos fazer a música que queremos fazer, e tocar a música que desejamos ouvir e ele vai realmente testar como os fãs são leais. Poderia sair e as pessoas poderiam rejeitá-lo ou podiam ouvi-lo e dizer "Que porcaria é essa?", mas acho que não é o que aconteceu. O que aconteceu é que as pessoas nos receberam de braços abertos, e para nós, por um lado você acha que, se tentássemos seguir o disco anterior, tirar dois meses e voltar para compor, acho que não teria havido uma imensa pressão para voltar. Foi uma pausa longa e nenhum de nós tinha qualquer expectativa em uma predisposição diferente de querer escrever a música que queríamos escrever. A pressão realmente não estava lá, foi muito mais em nós para ser o melhor que poderíamos ser, escrever as melhores músicas que poderíamos escrever. Isso é realmente o que aconteceu... Quero dizer, com certeza a pressão estava lá, e ele iria se arrastar aqui e lá.

MF: Foi uma daquelas situações em que as expectativas de seus fãs eram a última a última coisa que iriam olhar quando foram fazer o álbum?

WH: Sim. Definitivamente, quero dizer que é apenas mais uma daquelas coisas. Se você pegar o Fallen e olhar o The Open Door, verá que eles são diferentes álbuns, e então se você pegar este disco e colocá-lo junto aos outros dois, verá que é ainda mais diferente. A única constante é a voz dela, contanto que isso está intacto e ela não começa a gritar, de alguma forma estranha que ninguém sabe... se ela aparecer gritando como aquela menina naquela outra banda... Droga, como se chamam mesmo?

MF: Archenemy.

WH: Sim! Archenemy ... Exatamente. Se ela sair gritando lá, tenho certeza que haveria muita confusão. Amo o Archenemy, eles são uma grande banda, embora eu não acho que se encaixa em nosso espectro.

MF: Vocês também acabam de anunciar a turnê australiana, portanto, para seus fãs australianos passou muito tempo desde a última vez que te viram. Qual a vibe do Evanescence para essa tour?

WH: Sim cara, antes de tudo, estamos apenas feliz por estar de volta novamente, tocando na frente das pessoas, tocando a música nova. Eu não me importo onde nós estamos. Sempre é uma emoção, mas por outro lado, para mim, eu nunca estive na Austrália. Há muitos lugares que estive, muitas coisas que eu fiz, mas eu nunca estive lá. Muitas vezes parecia que ia dizer "ok, vamos para Austrália!". Mas  deu certo, então eu estou realmente animado para vir dar uma olhada. Ouvi dizer que as pessoas e os fãs são incríveis e todo mundo está doido para chegar lá.

MF: Bem espero que possamos ter um tempo bom para você.

WH: Sim, vocês tiveram três semanas de chuva ou algo assim né?  É o que temos lido por aqui! Gostaria muito de ter algum tempo para ir surfar na Austrália. Vocês têm todos os tubarões, mas não é com eles que eu estou preocupado. Vocês têm tantas outras criaturas estranhas lá embaixo!

MF: Sim cara, os tubarões não são nada, você pode evitá-los, mas as cobras não.

WH: Cara! Vocês têm tudo, eu já ouvi tantas histórias... É assim mesmo?

MF: Só tente não pensar sobre isso e você vai ficar bem.

WH: Isso é o que todo mundo diz: Tentar ignorar e nada vai acontecer.

MF: Bem, sim, você pode ignorar até que algo te morda então você nunca vai ser capaz de tirá-lo de sua mente de novo.

WH: Ha ha oh de jeito nenhum!
 

 

Entrevista ao Asia One

Leiam abaixo uma matéria com a Amy:

CINGAPURA - Um Evanescence revitalizado está de volta - com a líder da banda, Amy Lee, a única sobrevivente da formação original.

Com a renovação e o lançamento de seu álbum em outubro passado, a vocalista diz que sua banda de rock é nova e está melhor.

A banda fez um intervalo de gravação logo após o lançamento de seu álbum em 2006, The Open Door, para o qual excursionou em 2007. Amy disse:

"Após a turnê de The Open Door, em 2007, nós só queríamos um espaço longe um do outro para descobrir o que queríamos de nossas vidas. Eu estava focada na minha carreira musical desde minha adolescência. Quando você é jovem, você só quer fazer o que acha certo. Eu tive que fazer uma pausa mental de minha identidade como Amy do Evanescence e encontrar-me como Amy, a pessoa comum."

Rebelde

Ela acrescentou: "Eu sou muito uma menina rebelde. A última coisa em minha mente naquele momento era a continuar cantando, sem saber por que eu queria. Agora estou em um lugar onde eu não tenho de lutar por respeito, e onde eu tenho uma compreensão muito melhor de quem eu sou.

Ela comenta sobre a banda:

"Unidade pessoal e profissional dentro de uma banda é muito importante. Não é sobre o dinheiro ou a fama. Se você se preocupar apenas com o dinheiro, tocar juntos como uma banda não tem sentido. Seu coração tem que estar no lugar certo. Você tem que ser verdadeira e apaixonadamente dedicada à causa (banda). O mesmo vale para qualquer relação ...

Ela disse que o casamento a deixou uma pessoa mais madura e comprometida:

"Eu me tornei mais tolerante e paciente, especialmente por ter visto tantos conflitos antes na minha vida".

Mas ela não planeja começar uma família agora:

"Eu não posso me imaginar segurando um bebê e gritando agora, especialmente quando estou prestes me apresentar. Eu quero ter filhos um dia, mas definitivamente vai ter que ser quando eu não estiver em turnê."

Sobre a apresentação em Singapura

Amy fala:
"Estamos muito animados para poder finalmente nos apresentar em Singapura. Quando a agenda de shows saiu, eu insistia para a banda que um dos lugares que tínhamos que ir com a turnê, era em Cingapura. Nós vamos ter uma explosão de um show ao vivo, com música de todos os nossos três álbuns."
 





icone do Facebook icone do Twitter
 

Rock am Ring and Rock im Park

imagem

Parece que foi confirmado que o Evanescence irá tocar no Rock am Ring e no Rock Im Park na Alemanha em Junho. Vejam abaixo as bandas que irão participar:

A$AP Rocky
Anthrax
As I Lay Dying
Azealia Banks
Beginner
Billy Talent
Boyce Avenue
Caligola
Cancer Bats
Cro
Crystal Castles
Deichkind
DevilDriver
Dick Brave & the Backbeats
Die Toten Hosen
Donots
Dropkick Murphys
Enter Shikari
Evanescence
Example
Fiva & Das Phantom Orchester
FM Belfast
Ghost
Gojira
Graveyard
Gossip
Guano Apes
Halestorm
Hoffmaestro
Kasabian
Killswitch Engage
Lamb Of God
Lexy & K-Paul
Linkin Park
Lower Than Atlantis
Machine Head
Marilyn Manson
Mastodon
Maximo Park
Metallica
MIA.
Motörhead
Opeth
Periphery
Refused
Rise To Remain
Skrillex
Soundgarden
Steel Panther
Tenacious D
The Hives
The Koletzkis
The Maccabees
The Offspring
The Rifles
The Subways
The Ting Tings
Tinie Tempah
Trivium
While She Sleeps
u.v.m.

Para mais informações, clique AQUI.

 

10/06: Nova Rock Festival

Data: 10/06/2012

Local: Pannonia Fields II - Nickelsdorf, AUT

Mais informações: http://www.novarock.at/line_up


O Evanescence tocará com diversas bandas como Metallica, NightWish e Slayer.

Data do Evento: 
Dom, 2012-06-10 00:01 - 23:59
 

Entrevista com o Troy para o Yahoo

Confira abaixo a entrevista que o Troy deu para o site Yahoo Music, na entrevisa ele fala sobre a nova turnê, o novo álbum e os fãs do Evanescence:

Quinze anos após o Evanescence ser formado, a banda está embarcando na sua terceira turnê - e eles virão para Auckland como parte dela.

Antes do show que ocorrerá na Vector Arena em 31/03, o guitarrista Troy McLawhorn falou à Yahoo! New Zealand sobre a reunião e a turnê.

McLawhorn diz que o Evanescence está planejando ir ao máximo de lugares que puderem dessa vez.

"Estamos viajando o mundo todo... Já passamos pela Europe uma vez no ano passado e voltaremos nessa primavera [outono] para alguns festivais. Queremos ir para África do Sul e América do Sul também."

O show em Auckland será o primeira na Nova Zelândia desde a turnê de 2007.

"Estamos tentando chegar ao máximo perto dos fãs. Estamos tendo ir a vários lugares que outras bandas não vão," diz McLawhorn.

O Evanescence fez uma pausa de uns anos, após a vocalista Amy Lee sentir que precisava se afastar para "construir uma vida que não girasse em torno do Evanescence".

"Eu sabia que Amy queria tirar uns anos e folga" revela McLawhorn. "Mas eu realmente queria continuar tocando então eu me juntei aos caras do Seether e toquei com eles por uns anos."

Mas a paixão e o amor de Amy pela música trouxe-a de volta e o Evanescence se reuniu para produzir o terceiro álbum auto-intitulado, que alcançou #1 nas paradas americanas da Billboard e estreou no topo das paradas ao redor do mundo.

"Foi muito bom voltar e fazer parte disso tudo novamente, Eu sou muito sortudo, sabe, eu me sinto sortudo e abençoado" diz McLawhorn.

O plano do Evanescence para o ano é promover o terceiro álbum, o que envolve fazer turnê pelo máximo que puderem.

"Eu adoro turnês. Eu gosto de tocar ao vivo. Sabe uma hora enche um pouco, você precisa de uma pausa para ir para casa e ver seus filhos e seu cônjuge... Mas tocar ao vivo e viajar - é muito divertido."

Os fãs no show de Auckland vão poder curtir suas músicas favoritas do novo e dos antigos álbuns, mas McLawhorn diz quais são suas preferidas de tocar.

"Eu gosto de 'Your star' e eu gosto de 'Never Go Back' do álbum novo" ele diz.

"Your star' é divertido tocar porque tem uma parte bem legal da guitarra e 'Never Go Back' é meio que isso também - tem uma guitarra legal, é divertido e tem um ritmo bom. É uma boa música ao vivo."

O Evanescence, com os convidados do Blaqk Audio, tocará na Vector Arena no sábado, 31/03.

Fonte:Yahoo Music | Tradução IEssence





icone do Facebook icone do Twitter
 

Fotos para o site NowNews

Clique na foto abaixo e veja algumas fotos da Amy, na entrevista para o site NowNews:

Fonte NowNews


 

E Abaixo mais algumas fotos divulgadas da passagem da banda pelo Japão:

Obrigado NewsEvanescence





icone do Facebook icone do Twitter
 

5 baladas poderosas do Rock

Amy Lee participou de uma entrevista para o TOP5 do site TVAzteca, onde comenta sobre as 5 baladas poderosas do Rock, confira:

video platformvideo managementvideo solutionsvideo player

 

 

Obrigado @Augusto_Ev





icone do Facebook icone do Twitter
 

Revista Galaxie Magazine

O Evanescence está presente na nova edição da revista Galaxie Magazine, confira a pequena nota publicada:

Amy Lee do Evanescence parte seus pensamentos sobre a mudança dos companheiros da banda, sobre o terceiro álbum auto-intitulado e também sobre seu show em 23 de fevereiro de nossas praias.

“Eu sinto que essa formação é a mais forte que já tivemos, não só musicalmente, mas em nosso relacionamento uns com os outros”, Lee diz Galaxie . “Eu não teria me sentido confortável ao nomear o álbum de Evanescence, se eu não sentisse , que este era realmente um albúm muito forte para nós.

Obrigado: EVShadow





icone do Facebook icone do Twitter
 

Troy em Taipei

Ontem o Troy postou uma foto no Facebook, em frente ao monumento Chiang Kai-Shek Memorial Hall, em Taipei.

A Turnê 2012 segue, a próxima parada é 17/02 - Melon Ax Hall - Seoul, KR.

Chiang Kai-Shek Memorial Hall em Taipei, Taiwan.





icone do Facebook icone do Twitter
 

Vídeos da Turnê na Austrália

Confira abaixo o vídeo comercial da Turnê na Austrália e um vídeo onde a banda manda uma mensagem para os fãs Australianos!

Lembrando que a Turnê na Austrália começa em Março!

VER VĂŤDEO

VER VĂŤDEO

Fonte: Coppel | Augusto_EV





icone do Facebook icone do Twitter